Monte Carmelo: Começando com o pé direito!

Monte Carmelo: Começando com o pé direito!

Logo no início dos passeios em Israel, temos a oportunidade de visitar o Monte Carmelo.
É inevitável lembrar do nome de Elias, o profeta, que ali travou a batalha com os profetas de baal. Começar o roteiro histórico-religioso por este lugar é especial.

Vamos começar com algumas informações:
Altura: 546 metros acima do nível do mar
Área: 32 quilômetros quadrados, estendendo-se entre o platô de Menashe no sul e a baia de Haifa no norte, e o Vale de Jezreel no leste.

Tem alta quantidade de precipitação (chuva) por estar perto do mar, isso garante bosques mediterrâneos belíssimos, aproximadamente 670 espécies de plantas crescem no Carmelo. E antes que eu esqueça, seu nome (Karmel) significa jardim ou campo fértil.

Mas e para o peregrino, qual a sensação de vistar um local como este?

Bem, como já comentamos na publicação sobre Israel, conta muito o propósito pelo qual você foi ou vai a Terra Santa. Quem é cristão se sente emocionado e viaja no tempo até a época dos profetas, aproveita para orar e, dependendo da liderança de sua caravana, participa de uma ministração marcante.

Para quem não é cristão não há o que fazer no local. Pode-se aproveitar a vista do Vale do Armagedon (megido), local que segundo as profecias bíblicas acontecerá a batalha final do armagedon, e aproveitar para curtir a natureza, pois os bosques realmente são belíssimo. Porém isso reduz a importância do local a de um mirante apenas.

Para mim, que sou cristão, valeu muito à pena. Se hospedar em Haifa também é excenlente, pois a cidade é belíssima, mas isso é tema para outra publicação. Ao lado está o mapa da região (encontrei no site www.cafetorah.com.br) para que você tenha uma idéia de como é a região. A primeira impressão é realmente que estar hospedado em Haifa é muito mais prático.

Uma observação importante também é que, como todo cidade turística, as entradas em alguns lugares é cobrada, por exemplo, para entrar no local onde está o monumento em memória da batalha de Elias, o profeta, pagasse U$1,00, por isso é bom combinar com o guia, pois em uma das idas a Israel conseguimos entrar com toda a caravana sem precisar pagar.

 

Fonte: Portal a Terra Santa

Leave a Comment